sexta-feira, 21 de janeiro de 2011

A perfeição...

Odeio me sentir só...
Me sentir a pior pessoa do mundo...
Não tenho qualidades somente defeitos...ou as minhas qualidades são tão pequenas que os defeitos se sobressaem!
Tenho tudo que quero, mas sempre estou insatisfeita.
As vezes quero gritar...
Quero correr, fugir de tudo de todos!
Sempre quero me mostrar forte, corajosa, sem me importar com o que pensam e dizem de mim...mas sozinha em meu quarto me mostro frágil, com cada palavra que ouvi!
Não da para ser forte o tempo todo!
Porque o ser humano e assim...nunca pensa antes de falar, não se importa com o que o outro vai pensar e sentir!
Nunca me importei com o que pensam e falam de mim, mas a vida sempre nos surpreende, e as vezes o nosso colete não adianta de nada...não nos protege, talvez porque não gostamos de ouvir a verdade ou talvez porque e algo que jamais pensamos que tivéssemos e nos pega de surpresa.
Porque eu sempre estou em desenvolvimento de mudança, todos nos vivemos em constante mudanças, mas... minhas mudanças são sempre para agradar os outros, mudo o que quero, o que penso, o que sou para agradar as pessoas a minha volta.
Queria ser só eu!!!
Agora olhando...relembrando o passado, vivo até hoje mudando meus defeitos...quanto mais eu mudo mais querem que eu mude!
Vou me tornar perfeita pra todos, mas vou deixar de ser a Flávia e me tornar aquilo que as pessoas querem que eu seja!
Porque não podem aprender a conviver comigo do jeito que sou!Quando vou encontrar alguém que goste de mim de verdade com meus defeitos e minhas qualidades!
Do jeito que vai no fim vou ser o 1° ser humano perfeito!



Muitas vezes fui forte...
Muitas vezes fui fraca...
Muitas vezes chorei...
Muitas vezes sorri...
Muitas vezes fugi...
Muitas vezes fiquei para enfrentar tudo...meus medos, sentimentos, obstáculos, pessoas...Venho caminhando muito tempo sempre querendo ser melhor.
Não tenho certeza do que sou, do que quero, do que preciso.
Em apenas um momento tenho 1.000 pensamentos, 1.000 desejos!
Quanto ainda tenho que caminhar?
Será que um dia vou conseguir me compreender?
Tenho tudo mais não tenho nada...Tenho muitos amigos mas sempre me sinto só...As vezes quero ser só eu, cheia de confusões, as vezes alegre, atrapalhada, medrosa, sozinha, mimada, estrassada.
Me sinto feliz assim, as pessoas só tem que aprender a conviver comigo assim, porque e tão difícil gostar de mim como sou, conviver comigo!
Quero viver, desfrutar de cada sentimento...e eu mesma separar e retirar na medida certa até que ponto cada sentimento faz mal a mim e as pessoas a minha volta!
A vezes as pessoas esquecem que não existe ser humano perfeito, sempre querem que eu mude mas nunca procuram a sua própria mudança!
Será que só eu tenho defeitos?!
Escritora:Flávia Alves Dias
15/04/2010

Nenhum comentário:

Postar um comentário